Escola Marli Capp recebe Formação de Projetos Pedagógicos

02/10/2018 - A Escola Municipal Professora Marli Capp recebeu nesta segunda-feira (1) formação pedagógica para os profissionais da unidade. A discussão foi em torno dos marcos legais no que diz respeito à promoção de Educação libertadora, antirracista e democrática. Participaram 31 profissionais, entre eles, inspetores de alunos, supervisores, docentes e técnicos. A palestra informativa abordou temas como Estado Laico, racismo religioso, mito da democracia racial, eugenia, entre outros.

Além da educação antirracista, também serviu como tema a Lei 10.639/03, alterada pela Lei 11.645/08, que torna obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio.

A palestra é promovida pela Coordenação de História e Cultura Afro e Indígena da Secretaria de Educação (Seme), em parceria com a Formação Continuada. O projeto de formação teve início no mês de agosto e já passou nas seguintes Escolas Municipais: Themira Palmer, Profª Leomari, Talita Perelló, Renato Azevedo e Marli Capp.

A programação segue quinta-feira (4) na E.M Rui Barbosa onde o assunto será “A importância de abordar a Eugenia no Brasil”. No dia 19 de Outubro, a E.M Angelim recebe a palestra “Linguagens artísticas e corporais”.