Rio das Ostras lança candidatura à Rede de Cidades Criativas da Unesco

Concorrendo a uma vaga na Rede de Cidades Criativas da Unesco, Rio das Ostras lançou oficialmente a sua candidatura na sexta-feira, dia 26, às 19h, no Teatro Popular, durante audiência pública. Foram convocados artistas, produtores culturais, moradores, empresários, representantes do Poder Público e todos os interessados em colaborar com a eleição do Município, que disputa na área de Música.

Rio das Ostras foi um dos 15 vencedores de um edital de consultoria técnica da Unesco / Secretaria Especial de Cultura do Ministério da Cidadania para a candidatura à Rede de Cidades Criativas. Desde o início desta semana, a consultora Débora Borburema, que estará presente também na audiência pública, se encontra na Cidade, reunindo informações e orientando agentes culturais.

“Acredito que a conquista do Selo de Cidade Criativa da Unesco não trará benefícios apenas para Rio das Ostras, mas para toda a nossa Região. Muitas pessoas não sabem como a economia criativa pode contribuir com o desenvolvimento local. Por isso é importante que artistas, produtores, empresários e a população se mobilizem para fortalecer a nossa candidatura”, explica a presidente da Fundação Rio das Ostras de Cultura, Cristiane Régis.

CRIATIVIDADE CONECTADA – A Rede de Cidades Criativas da Unesco é uma plataforma mundial que conecta municípios para parcerias em cultura e desenvolvimento. Por meio dessa rede, os participantes podem compartilhar experiências no campo das indústrias criativas, traçar medidas inovadoras na esfera local e internacional. Todas essas iniciativas visam a inclusão social e a sustentabilidade.

Mais de 180 cidades de diferentes continentes já se uniram à Rede Cidades Criativas. Para participar é preciso se candidatar e ser selecionado pela Unesco. Essa plataforma começou em 2004 com municípios que se destacam em sete diferentes áreas da indústria criativa: Literatura, Cinema, Música, Artesanato e Artes Folclóricas, Design, Artes Mediáticas e Gastronomia.

CONSULTORIA – Por intermédio da consultoria técnica da Unesco / Secretaria Especial de Cultura do Ministério da Cidadania e a colaboração da Fundação Rio das Ostras de Cultura, estão sendo reunidas informações sobre os projetos, espaços e eventos da área de música promovidos na Cidade. Esses dados serão utilizados para construção de um plano de ação, que vai ser avaliado e garantirá uma carta de endosso à candidatura de Rio das Ostras.

A trajetória de Rio das Ostras como candidata ao Selo de Cidade Criativa da Unesco começou em julho de 2018, quando a Fundação de Cultura fez a inscrição no edital do então Ministério da Cultura (MinC). A equipe da autarquia municipal tem promovido reuniões periódicas desde então e atualmente auxilia a consultora Débora Borburema na coleta de dados que colaborem com a seleção do Município.