Desperta Mulher vai levar conscientização para a Praia do Forte

Uma grande roda de capoeira em favor da igualdade de gênero e contra a violência contra a mulher. Este é o objetivo do “Desperta Mulher”, que acontece no próximo dia 10 de março, a partir das 15h, na orla da Praia do Forte, altura da Pista de Skate. Organizado para acontecer simultaneamente em 16 lugares do Brasil e do Mundo, o evento promete ser um grito de liberdade das mulheres.

“Esse ano nosso tema será sobre a presença feminina na capoeira, história, guerreiras, trajetória, um diálogo sobre o presente momento em que a mulher vem se manifestando na arte. E como lema escolhemos o título de um projeto em parceria com o movimento de mulheres iê, ‘Gingando sobre pétalas e espinhos’”, declarou a organizadora do evento na Região dos Lagos, Lua, do Instituto de capoeira RUMPI Desperta Mulher.

A Coordenadoria da Mulher da Prefeitura de Cabo Frio apoia o evento, e a coordenadora e advogada Tereza Tenan vai participar alertando mulheres sobre a violência e suas formas. “Vamos alertar sobre o assédio moral e sexual, no trabalho e fora dele, sobre a violência doméstica, terminando com o feminicídio. São temas importantes pra gente ressaltar. Inclusive esse ano estamos fazendo um recorte sobre os vários tipos de violência que as mulheres sofrem e preparamos um calendário de atividades para o mês da mulher”, informou Tereza Tenan.

A organização do Desperta Mulher informa que o evento é gratuito, mas quem quiser colaborar pode adquirir a camisa, que custa R$40. Para tanto, é só entrar em contato com a Lua no telefone (22) 99814-5511. “Gostaria de convidar não só as praticantes de capoeira, mas amante da arte, e que venham comemorar o mês da Mulher no nosso 2º Desperta Mulher na Região dos Lagos, no espaço capoeira, com debates e temas sobre violência contra Mulher e demonstrações culturais. Não fique de fora”, finalizou Lua.

 


Pesquisa interna