Rede Municipal recebe atualização sobre Programas Federais

Diretores e representantes de escolas da Rede Municipal de Educação de Cabo Frio participaram, na manhã desta segunda-feira (21) de uma reunião de atualização e alinhamento sobre os três Programas Federais disponíveis para o município: Mais Alfabetização, Novo Mais Educação e Educação Conectada. Os programas contemplam mais de 40 unidades escolares.

Durante a abertura do encontro, o secretário de Educação, Alessandro Teixeira, destacou a importância da parceria com o Governo Federal para o avanço da Rede, ressaltando o papel dos diretores no processo. “O aluno é o alvo das nossas ações. A Educação não se faz só com o olhar para o passado. Precisamos enxergar o presente para melhor compreender o futuro”, destacou o secretário, acrescentando o valor da presença e participação dos diretores para a construção de um legado sólido.

O Mais Alfabetização é um programa novo e visa fortalecer e apoiar técnica e financeiramente as unidades escolares no processo de alfabetização de estudantes nos dois primeiros anos do Ensino Fundamental. O projeto será desenvolvido com a presença de voluntários (universitários e alunos do curso de Formação de Professores), que auxiliarão o trabalho do professor alfabetizador em ações com finalidade de fomentar a aquisição de competências de leitura, escrita e matemática por parte dos estudantes. Os assistentes de alfabetização podem ter até oito turmas, não ultrapassando 40 horas semanais. O Edital para seleção de voluntários será divulgado em breve. O Governo Federal disponibilizará R$ 149.319,00, beneficiando 37 escolas.

Já o Programa Novo Mais Educação foi reformulado e passa a contemplar alunos do 3º ao 9º ano do Ensino Fundamental. Por meio do programa, crianças e adolescentes terão complementação da carga horária, com atividades mediadas por um professor, com foco na escrita, leitura, matemática e atividades complementares. Recursos na ordem de R$ 536.805,00 foram disponibilizados ao município, contemplando 39 unidades escolares.

O Programa Educação Conectada prevê investimentos para a ampliação do acesso ao serviço de conectividade e para infraestrutura interna e dispositivos que possibilitem o uso da tecnologia em sala de aula. Até 42 escolas do município selecionadas na primeira fase poderão ser beneficiadas, fomentando o uso pedagógico da tecnologia nas escolas públicas de educação básica. Das unidades escolares previstas, pela localização em zona rural, duas poderão ser atendidas via satélite.


Pesquisa interna


free
hit counter