Ônibus da Macaense é incendiado no Escorre Sangue e linhas municipais deixam de circular

Segundo a polícia, havia apenas o motorista na linha da empresa Macaense que foi abordada e incendiada

24/09/2018 - Um ônibus da empresa intermunipal Macaense foi incendiado na tarde desta segunda-feira (24) na RJ-106, em Tamoios, no segundo distrido de Cabo Frio, na Região dos Lagos. Segundo a Polícia Militar, o caso ocorreu por volta das 16h no bairro Escorre Sangue, em Aguários, depois de um confronto entre os agentes e dois homens armados.

A empresa Salineira, que faz o transporte municipal, informou que, por conta da insegurança no distrito, foi suspenso o funcionamento das linhas 316, 351, 352, B505, B520 e B530.

Segundo a PM, o problema começou quando dois homens armados em uma moto deram início a uma troca de tiros. Eles acabaram caindo da motocleta enquanto tentavam fugir, sendo socorridos e levados à UPA de Unamar. Duas armas de fogo foram apreendidas.

Ainda de acordo com a PM, no ônibus incendiado só havia o motorista que foi obrigado a descer a comando de traficantes que atearam fogo no veículo, que seguia de Unamar para Macaé.

De acordo com o motorista, dois elementos armados subiram no ônibus, um pouco antes do Poliesportivo de Tamoios, sentido Macaé. Eles mandaram o motorista seguir até a Rua dois, onde mandaram parar o ônibus e descerem ele e mais um passageiro. Em seguida atearam fogo no veículo. Os criminosos alegaram que iriam atear fogo no veículo em vingança a uma ação da Polícia Militar (PM). 

Este é o segundo ônibus incendiado em Cabo Frio neste mês. No dia 8 de setembro, após confronto com duas mortes, um ônibus foi incendiado na Avenida Wilson Mendes, na altura do bairro Jacaré. Neste caso, a linha foi da empresa Auto Viação Salineira, que fazia o itinerário entre os bairros São Cristóvão e Tangará. Um colaborador da empresa e um passageiro ficaram feridos no incêndio.