Ex-secretário de Agricultura de Cabo Frio é denunciado por peculato

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Promotoria de Justiça de Investigação Penal de Cabo Frio, denunciou o ex-secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, José Faustino Júnior, sua ex-mulher e suas três filhas pela prática de peculato.

Segundo a denúncia, entre 1º de janeiro de 2013 e 1º de abril de 2015, Faustino Júnior se apropriou indevidamente de dinheiro público ao nomear sua ex-mulher e as três filhas para exercerem cargos públicos na secretaria que ele chefiava.

De acordo com o Ministério Público Fluminense, as filhas Jizele Martins Faustino, Larysa Martins Faustino e Gleyciane Martins Faustino foram nomeadas para o cargo de “agente administrativo”. Já a ex-mulher, Valdinéia Moza Martins, ocupou o posto de “apoio” na secretaria municipal de Agricultura.

Para o MPRJ, os denunciados causaram um prejuízo total ao erário de R$ 63,3 mil. A denúncia pede a condenação dos cinco de acordo com o artigo 312 do Código Penal, que prevê pena de prisão de 2 a 12 anos.

 

 

 

 

 


Pesquisa interna


free
hit counter