Aos 85 anos, morre a soprano espanhola Montserrat Caballé

Ela se tornou mais conhecida do público da música popular, com a gravação que fez com Fred Mercury

06/10/2018 - Aos 85 anos, morreu hoje (6), em Barcelona, a soprano espanhola Montserrat Caballé. Ela estava internada, no Hospital Sant Pau, desde o mês passado em decorrência de uma doença crônica, não revelada.

O corpo da cantora será velado amanhã (7) e enterrada segunda-feira (8), em Barcelona.

Considerada por muitos críticos como a melhor soprano do século 20, Montserrat Caballé apresentou-se em diversos palcos mundo interpretando obras como La Serva Padrona, de Pergolesi; Così Fan Tutte, de Mozart; Norma e I Puritani, de Bellini.

Um dos grandes destaques e que a tornou mais conhecida do público da música popular foi a gravação que fez com Fred Mercury.

Em seu repertório também se destacaram Il Trovatore, La Traviata, Um Ballo in Maschera e Aida, todas de Giuseppe Verdi.

A artista também interpretou as heroínas Isolda e Sieglinde, de Wagner, assim como as de quatro obras de Giacomo Puccini: Tosca, La Bohème, Madame Butterfly e Turandot.

Montserrat Caballé conquistou um prêmio Grammy e foi agracia com o Príncipe de Astúrias das Artes em 1991, a mais alta distinção concedida na Espanha.