Em processo de extinção, Ibram promove mais uma Primavera dos Museus

18/09/2018 - A Primavera dos Museus começou nesta segunda-feira e segue até o dia 23 de setembro, com uma programação envolvendo 900 instituições em todo o país e mais de duas mil e 700 atividades. A Primavera é organizada pelo Ibram, Instituto Brasileiro de Museus, que está em processo de extinção.

Na semana passada, o Governo Federal publicou uma medida provisória extinguindo o IBRAM e criando em substituição a Agência Brasileira de Museus.

A mudança foi motivada pela necessidade de inserir a iniciativa privada nos trabalhos de reconstrução do Museu Nacional, que pegou fogo no início do mês.

De acordo com o representante dos funcionários do IBRAM, Newton Soares, a extinção não vai afetar a Primavera dos Museus.

Esta é a décima segunda edição da Primavera e Ana Lourdes Costa, coordenadora de promoção do IBRAM, comenta que o objetivo é tornar os museus mais conhecidos pela população.

O tema deste ano é Celebrando a Educação. O Museu da Imagem e do Som do Amazonas, por exemplo, vai oferecer uma Oficina de Robótica para estimular o raciocínio lógico. Durante a semana, também será lançado o Caderno da Política Nacional de Educação Museal. O Brasil é um dos poucos países do mundo que tem diretrizes sobre como promover a educação em museus, como afirma Ana Lourdes Costa.