Estudantes conhecem tesouros arqueológicos de mais de 4 mil anos em Rio das Ostras

Com atividades realizadas no Museu Sambaqui da Tarioba, alunos do Colégio Conceito intensificaram conhecimentos sobre cultural local

Crianças atentas ao acervo histórico do Museu Sambaqui da Tarioba, em Rio das Ostras, para saberem mais sobre a história do município. Cerca de 50 estudantes do Colégio Conceito visitaram o ponto turístico na sexta-feira, dia 31. A aula de campo serviu para aguçar ainda mais a atenção dos alunos por meio da aplicação da teoria na prática.

Os alunos foram recebidos pela equipe técnica da Fundação Rio das Ostras de Cultura, representado pelo funcionário Jorge Pinheiro, e acompanhadas de perto pelas professoras das disciplinas de História e Ciências, que buscavam a aplicabilidade das informações.

De acordo com o coordenador pedagógico do Colégio, Jonatas Valcacio, há meses a história de Rio das Ostras tem sido fortalecida entre os estudantes. “Esta aula prática é muito positiva. Um exemplo, é que no 4º ano estamos trabalhando sobre a fossilização e aqui conseguimos demonstrar exatamente isso. Avançamos ainda no assunto referente ao processo de sedimentação das rochas. Esta é a nossa proposta para a construção do conhecimento”, disse ao lembrar que disciplinas como história, geografia e ciências estão conectadas com a visita ao Museu.

Quem ficou empolgado com o Museu foi o estudante João Gabriel, do 5º ano. “Eu gosto muito de museus. Acho interessante. Aprendi que vários fósseis foram descobertos aqui. E ver eles é legal. Esta é a segunda vez que venho neste museu”.

O Museu de Sítio Arqueológico Sambaqui da Tarioba é considerado um dos poucos museus “in situ” do Brasil, ou seja, com materiais expostos da forma como foram encontrados, o Sítio Arqueológico Sambaqui da Tarioba conta ainda com objetos de adorno e conchas características da ocupação dessa antiga civilização, que habitou a Região entre 4 mil e 2 mil anos. Peças e objetos históricos localizados em outros sítios demarcados na Cidade também integram o acervo permanente do local.